Jogos Tradicionais 

criado por Gabriel Gonçalves Freire

Colaboradores

Daniel Guerrini

PIÃO

O Pião é um jogo tradicional da cultura mundial. Percebe-se que com o passar dos anos e com os avanços tecnológicos, vive-se atualmente, uma abundância de jogos eletrônicos, contribuindo para  que alguns jogos tradicionais sejam cada vez menos praticados. O pião é um desses jogos tradicionais “esquecidos” pela cultura infantojuvenil na atualidade. 
 

    Nesse sentido, o processo de preservação dessa manifestação cultural é uma necessidade quando considera-se o pião como um patrimônio cultural. A escola e as aulas de Educação Física reservam-se como espaços privilegiados para que o processo de ensino e aprendizagem do pião aconteça. 
 

   A escola pelo compromisso de socialização de saberes historicamente elaborados pela humanidade e a Educação Física por ser a área de conhecimento responsável pelo ensino e aprendizagem do conteúdo Jogo. 
 

     Portanto, destaca-se os trabalhos pedagógicos que em Educação Física que ensinam o pião, desde sua vivência até a tomada de conhecimento sobre o jogo enquanto uma prática social. Uma das características a ser ensinada sobre o jogo é que em outras regiões do Brasil ele é conhecido como “Pinhão”.

 

    Além disso, ressalta-se os conhecimentos sobre a organização do jogo, as regras, objetivos, e formatos distintos, tanto do objeto (pião) quanto do jogo em si. 


 

Possível Origem

 

     O pião é um jogo que apresenta mistérios sobre a sua origem. Por se tratar de um jogo tradicional que entre suas características está a antiguidade e poucos registros do passado, seus criadores, local e época são informações desconhecidas.

 

   De acordo com “Os melhores jogos do mundo” (1978), o poeta grego Calímaco, cinco séculos antes de Cristo, já fazia referência ao pião. Retrata que o pião era feio de argila com bordas decoradas de formas humanas e animais (SANTOS, 2012). 


Organização do jogo: regras, formatos e objetivos

 

     De modo geral, o pião é um jogo individual, os participantes disputam cada um por si. Os movimentos básicos do jogo são o enrolar e o lançar. Os materiais utilizados são: corda (cordel) para lançar e o próprio pião de madeira ou plástico.  

 

    Santos (2012) apresenta alguns jogos de pião realizados pelos jogadores, sendo o “Caçador”, “Cela” e  “Bata”:

CAÇA: Depois de jogar o pião no chão, o jogador procura recolhê-lo com o dedo indicador e médio; o objetivo é ficar mais tempo rodando na mão ou passando de mão em mão, sem deixá-lo parar de girar (“morrer”). Ainda pode-se jogar o pião e, antes de bater no chão, o jogador o puxa de volta e faz o movimento de “caça” no ar (SANTOS, 2012, p. 129).

 

 

 

CELA: A cela é um grande círculo desenhado no chão, e em seu centro, há uma marca pequena. É preciso lançar o pião e fazer com que ele não fique no círculo e sim gire para fora dele ou fique o mais longe possível da marca pequena (SANTOS, 2012, p. 129). 

 

 

 

 

 

 

BATA: Limita-se um campo com dois tipos de gols em cada ponta. O objetivo é fazer com que uma bolinha pequena, por meio do lançamento e giro dos piãos, entre no gol adversário (SANTOS, 2012, p. 129). Caso o jogo termine empatados, os jogadores podem variar o jogo passando a cobrar penâltis.

 

 

 

    Além desses tipos de jogos de pião, ainda existem aqueles que envolvem manobras. Geralmente são realizadas compteições entre os jogadores para verificar quem consegue fazer as manobras definidas prevemente ou a criação de novas manobras. Algumas manobras são conhecidas nas regiões brasileiras como:

 

FOGUETE: Lança-se o pião ao chão, passe a corda em volta dele uma única vez e puxe-o para a mão.  

 

 

 

 

 

 

BUMERANGUE: O pião é lançado e antes de tocar o chão retorna a mão do jogador.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

TÚNEL: A manobra é parecida com o bumerangue, entretanto o pião é lançado entre uma das pernas. 

DORMINHOCO:  Nessa manobra lança-se o pião e deixa ele girar em um mesmo espaço durante três segundos ou mais.

   

   

    As manobras do jogo pião são inúmeras e variam de região para região. O importante é que os jogadores tentem criar novas e testá-las para ensinar aos jogadores com que pratica. 

     No Brasil, destacam-se alguns canais no Youtube que promovem o ensino do jogo pião, entre eles, o "ioiofenix" e "fevermaniaoficial". A produção de vídeos e a suas divulgações contribuem com a preservação do jogo pião na cultura brasileira. Nesse sentido, incentiva-se outros canais a divulgarem o pião para um maior público possível. 

 

 

REFERÊNCIAS:

 

SANTOS, Gisele F. de L. Jogos Tradicionais e a Educação Física. Londrina: EDUEL, 2012.

Imagens:

1) Google.com.br/imagens

2) Canal no Youtube "João Netto"

3) Canal no Youtube "Hobbz"

4) Canal no Youtube "LProduções Ponta do Pargo"

5) Canal no Youtube "ioiofenix"

6) Canal no Youtube "Oshiromass"